Fumaça Cirúrgica

Sem cuidados adequados, uma fonte invisível de contaminação.

Cuidar da proteção dos profissionais de saúde é cuidar de todos nós.


Durante procedimentos cirúrgicos é comum que a cauterização de tecidos gere fumaça no centro cirúrgico envolvendo subprodutos cancerígenos e diversas patologias que se espalham no ambiente.


Contudo, a inalação dessa fumaça pode ser prejudicial para médicos e toda equipe exposta durante o procedimento cirúrgico.


Pensando nisso, nosso time de especialistas desenvolveu um material com estudos sobre o assunto que busca evitar esse cenário no centro cirúrgico.

Nesse conteúdo você vai encontrar:



Conheça os

riscos da

fumaça cirúrgica


Acesse estudos e comunicados das

principais sociedades

de cirurgia

Entenda sobre como funcionam os testes de eficiência de filtro para retenção de partículas

Saiba como prevenir a contaminação cruzada

entre insuflador

e paciente



Veja como oferecer mais segurança em cirurgia laparoscópicas


Veja na prática como funciona o circuito fechado de insuflação de CO² e aspiração de fumaça


Preencha o formulário abaixo e acesse o conteúdo exclusivo